26/06/2008

Cromos soltos - Coluna - S.L. Benfica - 1966

 

santa nostalgia cromos soltos coluna sl benfica

Coluna, foi um dos grandes e míticos jogadores de futebol do Sport Lisboa e Benfica dos inesquecíveis anos 60.
Mário Coluna chegou ao clube da Luz proveniente do Grupo Desportivo de Lourenço Marques, de Moçambique, na época de 54/55, na qual se sagrou campeão nacional. Viria a repetir a conquista do título maior do futebol português até 69/79, a última época em que jogou pelos encarnados, emigrando para o clube francês Lyon, onde jogou duas épocas (70/71 e 71/72).  Ao todo conquistou 10 Campeonatos e 6 Taças de Portugal pelos encarnados e ainda 2 Taças dos Campeões Europeus, em 1961 e 1962, disputando ainda três outras finais, que perderia (1963, 1965 e 1968).

Coluna foi o capitão da célebre Selecção Nacional, "Os Magriços" que conquistou o 3º lugar no Campeonato do Mundo de Futebol em 1966, na Inglaterra. Pela selecção A, foi internacional por 57 vezes

1 comentário:

  1. apenas isto q encontrei:



    "Dia 23 de Julho de 1966, Portugal – Coreia Norte, para os Quartos de Final do Campeonato do Mundo de 1966, um jogo que tornar-se-ia arrepiante e inigualável. A equipa asiática entrou de rompante, assinando o primeiro golo ainda no minuto inaugural. No curto espaço de outro fatídico minuto, o 14 º, mais dois golos de rajada acentuaram o temor. Ninguém percebia o que se estava a passar. Eusébio foi o primeiro dos imperturbáveis. Rebelou-se com o seu ímpeto galvanizante. Dois golos marcou antes do intervalo. Otto Glória colérico disse “ coisas que jamais tinha ouvido da boca de um treinador” disse Eusébio. A reprimenda, bem adjectivada, surtiu efeito. A equipa jogou nos limites. Eusébio fez o resto. Desconcertante. Aos 11 minutos apontou o golo da igualdade. Pouco depois, olhos na bola, percorreu todo o flanco esquerdo, aguentando tentativas desesperadas para o suster, até que tombou dentro da área. Foi penalti, convertido de forma autoritária. José Augusto fez o golo da confirmação dos 5-3, na mais bela página do futebol português. Os quatro golos num jogo, ainda por cima, nos quartos de final do Campeonato do Mundo, fizeram de Eusébio uma lenda planetária."

    para mim Eusebio continua a ser o melhor, mete num bolso os "figos" e os "cristianos-ronaldos"

    agora vou dormir q ja é tarde, este blog fez-me voltar à infancia, e isso é muito bom, sabe ainda melhor e acho q hoje nem vou precisar do meu comprimidinho para ter um sono mais descansado.

    obrigada por estes momentos.

    rosamar

    ResponderEliminar

Os comentários estão sujeitos à prévia aprovação por parte do autor do blog.

Talvez queira rever: