21/09/2008

Melhoral - Pastilhas milagrosas

 

publicidade antiga_santa nostalgia_melhoral_01

publicidade antiga_santa nostalgia_melhoral_02

pastilhas melhoral santa nostalgia 02

pastilhas melhoral santa nostalgia

Melhoral Infantil

Hoje trago à memória as pastilhas Melhoral.

Este medicamento ainda hoje é muito popular, mas há várias décadas que faz parte da farmácia da maior parte das famílias portuguesas. Tal como a Aspirina, da Bayer, a Melhoral é um medicamento cujo princípio activo é o ácido acetilsalicílico.

No cartaz de cima, dos anos 60, refere-se "Melhoral. Um medicamento de longas tradições, registado na Direcção Geral de Saúde". Tem, de facto, muitos anos no nosso país.

Recordo-me dos meus tempos de criança e da presença constante do Melhoral na prateleira do armário da cozinha. Ao primeiro sintoma de uma indisposição, uma dor de cabaça, dor de dentes e ouvidos, mau-estar geral e sinais de constipação ou gripe, a médica da casa, a minha mãe, sacava do Melhoral e este entrava em acção como remédio milagroso. Depois o cumprimento da famosa recomen-dação "avinha-te, abifa-te e abafa-te", completava o resto do tratamento.

Nessa altura as idas ao médico eram extremamente raras, apenas em casos graves e só ao fim de vários dias de tratamento infrutífero  a Melhoral. Para além das idas às vacinas, não me recordo de ir ao médico antes dos 16 anos. Com os meus sete irmãos foi mais ou menos igual.  Sintomático.

Hoje em dia, ao mínimo sinal de tosse e febre, os pais vão a correr com os meninos para a urgência dos centros de Saúde e dos hospitais, mas no meu tempo de criança, o remédio era mesmo o Melhoral Infantil, uma versão menos potente e com o sabor a laranja. As respectivas pastilhas era mais pequenas e tinham uma cor alaranjada. É verdade que a princípio as pastilhas sabiam mesmo a laranja, mas se estivesse muito tempo na boca, à laia de rebuçado, o sabor tornava-se sintético e bastante amargo.

Pesquisado a origem das pastilhas Melhoral, os resultados não foram muito esclarecedores. Pelo que li, fiquei com a ideia de que existem vários fabricantes, mas, em verdade, desconheço qual a empresa detentora da marca.

No Brasil a mesma é produzida pela Dorsay Monange. Quanto ao Melhoral Infantil, em Espanha é produzido pela Sterling Health e no Brasil pela Sydney Ross. Pessoalmente, pelo que me recordo, a marca pertencerá à Sterling e em Portugal será fabricada pela Sterling Produtos Farmacêuticos Lda. Será que alguém dispõe de informações concretas quanto a este aspecto? ´

Independentemente da questão quanto à origem e propriedade da marca, a verdade é que as pastilhas Melhoral e Melhoral Infantil fazem parte das nossas memórias e ainda por cima daqueles piores momentos, associados à doença, mas mesmo reconhecendo que não fazia milagres, parecia, contudo, ser um remédio eficaz para aquelas situações ligeiras e que para as quais era recomendado. É assim justo que o Melhoral seja recordado como um dos companheiros dos nossos maus momentos infanto-juvenis.

2 comentários:

  1. NO MEU TEMPO DE MENORIDADE A GENTE USAVA MELHORAL ADULTO E MELHORAL INFANTIL PRA DORES,FEBRES,GRIPES E RESFRIADOS. NUMA FARMÁCIA AQUÍ PERTO DE CASA DIVULGAVA MUITAS PROPAGANDAS DESSES 2 ANALGÉSICOS

    ResponderEliminar
  2. Na verdade, no Brasil o antigo slogan era "Melhoral, é melhor e não faz mal".

    ResponderEliminar

Os comentários estão sujeitos à prévia aprovação por parte do autor do blog.

Talvez queira rever: