08/08/2009

Raúl Solnado - 19 de Outubro de 1929 / 8 de Agosto de 2009

 Nem sempre as notícias são as mais desejadas, mas a fatalidade da vida tem destas coisas. Partiu hoje Raúl Solnado, um nome que dispensa apresentações.
De Solnado diz-se que "reinventou o humor em Portugal" e nessa área da arte de fazer rir e alegrar as almas, em que era mestre, deu cartas e estabeleceu padrões.
Assim de repente, apesar de tantos marcos da sua profícua carreira de actor e comedista, recordo-o sobretudo numa das suas passagens pela televisão, nomeadamente como apresentador do inesquecível e popular concurso "A visita da Cornélia" ou ainda na sua participação no "Zip-Zip", com Fialho Gouveia e Carlos cruz, sobretudo nas suas fabulosas histórias como a da ida à guerra.
A guerra da vida acabou para Raúl; Na versão da sua "ida à guerra", quando lá chegou "as portas ainda estavam fechadas". Agora que partiu, que se abram as portas da paz à sua imensa alma, de artista e de homem!

 raul solnado cornelia santa nostalgia 01

raul solnado cornelia santa nostalgia 02

5 comentários:

  1. R.I.P.
    Recuerdo haberlo visto en "El Corte Inglés" de Lisboa, sobre 2002.......

    ResponderEliminar
  2. Bem haja ao Blog... Abraço ao Raul. Quanto ao Filomeno, não sei se o "El Corte Inglês" era uma Peça Teatral a que se refere ou se trata de anacronismo... Esses armazéns (que de quando em vez frequento) já existiam na altura em Lisboa?

    ResponderEliminar
  3. cantinhodacasa09/08/09, 18:43

    Olá.
    Ontem estive todo dia fora e só à noite vim à net.
    Quando entrei no sapo vi a notícia. Fiz uma pequena homenagem no meu blog a este homem só por um motivo: a simplicidade, a humildade. Nunca deu nas vistas, poucos falavam dele.
    A comunicação social dá tanta importância aos jet set sei lá bem de onde e o que fizeram de bom na vida, e agora que Raul Solnado ficou em paz, lembraram-se de cantá-lo, com mérito, óbvio, mas por que não enquanto viveu?
    Este país é como é. Quem pouco vale é capa de revista.
    Beijinho

    ResponderEliminar
  4. Precisando, para el Sr. Duarte Nunes de Almedia: debía ser sobre el día 6 0 7 de marzo de 2002, el profesor Cavaco firmaba su autobiografía (volumen 1) en esos días en el Centro Comercial. A Solnado le ví en unas escaleras mecánicas de acceso de la estación de metropolitano al C.C. "El Corte Inglés".........
    Saludos.

    ResponderEliminar
  5. Gracias Filomeno por su precision. Saludos de www.janelacomcortinados.blogspot.com

    ResponderEliminar

Os comentários estão sujeitos à prévia aprovação por parte do autor do blog.

TALVEZ QUEIRA REVER