18/09/2010

Family Ties – Quem sai aos seus

 

A RTP Memória está a passar diariamente (por volta das 21:00 h) uma das mais emblemáticas séries de TV produzida pela NBC entre 1982 e 1989. Foram 7 longas temporadas sendo realizados 180 episódios (pela lista da IMDB apenas 176), alguns com duas partes.

Em Portugal passou originalmente na RTP, também nos anos 80, certamente com desfazamento de episódios relativamente à exibição nos Estados Unidos.

Esta série é por demais conhecida mas é justo que seja aqui referida como parte das nossas memórias.

Sendo que “Family Ties” tem a tradução de “Laços Familiares”, confesso que nunca percebi o título adoptado em Portugal (Quem sai aos seus…), que neste aspecto até nem costuma inventar. Pior do que isso fizeram no Brasil, onde a série foi baptizada de “Caras & Caretas”. Anedótico. De todo o modo, o título foi sendo mudado nos muitos e diferentes países onde foi exibida sempre com êxito.

A história gira à volta de uma família típica americana da classe média alta, os Keaton. O chefe da família, Steve Keaton, é um produtor numa estação de televisão e a esposa, Elyse Keaton, é arquitecta. Os episódios decorrem num percurso normal de uma família normal, com as discussões (muitas vezes ideológicas e políticas, sobretudo entre o pai, de esquerda, e o filho Alex, conservador), os desentendimentos, a educação, o humor (omnipresente), o amor e os afectos, o lazer, os estudos, o trabalho. No fundo a família Keaton pode muito bem estar em qualquer uma das nossas casas.

O que sempre me agradou e deslumbrou na série foi o percurso e a evolução da família. Foi quase uma década de série e por isso é notória a mudança física dos intervenientes, sobretudo nos filhos da família e de modo especial de Jennifer onde a meu ver se nota mais a transformação. Quase dez anos amadurecem um adulto e transformam uma criança num jovem adulto. Esta quase metamorfose, física e social, é um dos pontos fortes da série e que a tornam num ícone e emblema das séries de TV de todos os tempos mas seguramente dos especiais anos 80.

“Quem sai aos seus…”  tornou-se de facto muito popular bem como os seus intérpretes. Michael J. Fox, que interpretava o filho mais velho, Alex, foi sem dúvida um dos que tirou mais partido dessa popularidade até porque ainda durante a série (1985) teve o papel principal no filme “Regresso ao Futuro” com duas continuações em 1989 e 1990, que foram um êxito. Fox teve uma longa carreira no cinema e televisão mas em 1998 revelou que padecia da “doença de Parkinson”, a qual o tem vindo a debilitar. Afastado do cinema, criou uma fundação que desenvolve esforços no tratamento e na pesquisa  que um dia possa conduzir à cura desta doença.

Personagens e intérpretes:

Elyse Keaton
Steve Keaton
Alex P. Keaton
Mallory Keaton
Jennifer Keaton
Andrew Keaton
  Meredith Baxter-Birney
Michael Gross
Michael J. Fox
Justine Bateman
Tina Yothers
Brian Bonsall

 

- Uma das aberturas da série (diferentes nas temporadas)

family ties 01

family ties 02

family ties 03

- Os Keaton.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Os comentários estão sujeitos à prévia aprovação por parte do autor do blog.

Talvez queira rever: