12/09/2013

O Segredo dos Flamengos – Série TV

 

Em 26 de Janeiro de 1975 estreava na RTP a série de televisão "O Segredo dos Flamengos", no original francês "Le Secret des Flamands", uma co-produção de 1972 da ORTF - Office de Radiodiffusion Télévision Française, RTBF - Radio Télévision Belge Francophone e RAI -  Radiotelevisione Italiana e televisão suiça, realizada por Robert Valey. Uma série do género drama histórico com apenas 4 episódios de cerca de 55 minutos cada. Foi exibida originalmente pela ORTF em Janeiro de 1974.

Tendo em conta o sucesso da série, a RTP em 27 de Janeiro de 1976, uma terça-feira, iniciou a sua  repetição. Todavia, consultando o horário da programação de então, em que era concedido à série um tempo de exibição de cerca 30 minutos, tudo indica que cada episódio original fosse dividido em duas partes, uma por semana. Terá assim tido uma duração de oito semanas. Não consegui apurar se tal situação ocorreu aquando da estreia um ano antes.

image

image

image

image

image

image

image

image

image 

O argumento remete-nos para a época da renascença,  no final do século XV e ao contexto da rivalidade entre os pintores italianos e flamengos, sobretudo depois destes terem inventado um processo de composição e mistura de ingredientes, pintura a óleo, que emprestava aos quadros um brilho e protecção até então impossíveis e desconhecidos em Itália onde ainda prevaleciam as técnicas de pintura do “fresco” e “têmpera”.

A história começa quando  Giacomo Battestini completa o retrato do rei de Nápoles, Afonso V. Na apresentação do quadro ao monarca ele faz-se acompanhar por Antonello de Terracina (inspirado em Antonello de Messine), seu aluno. Está presente na sessão o mauzão, negociante de arte,  Palestrino Cavalieri, que acaba de trazer da Flandres um quadro de autoria de Jan Van Eyck, pintado com uma técnica de materiais então considerada nova, secreta e do conhecimento dos pintores flamengos.

Battestini fica extasiado com o quadro do mestre flamengo e  toma a decisão de ir à Flandres procurar descobrir o segredo de tal técnica, demanda essa que veio a pagar com a sua morte, tendo sido assassinado. O seu discípulo Antonello que conheceu Maria, a bela filha de Cavalieri, por quem se apaixona, decide, com a ajuda desta, ir à procura do seu mestre. Conhece  Petrus Christus, aluno de Van Eyck, que o toma como aluno e revela-lhe o segredo,  mas contra a promessa de não o divulgar antes da sua morte. Antonello  regressa a Itália já com o segredo que aplica num quadro. Isso causa espanto na classe de pintores de então, incluindo Botticelli, e todos tentam pressioná-lo e até suborná-lo para que revele o segredo e a fórmula. Por outro lado, Antonello procura descobrir o misterioso autor do assassino do seu mestre. Toda esta  trama implica uma série de situações de espionagem, crimes, intrigas, traições e até amor, o de Antonello por Maria, a bela filha de Palestrino Cavalieri. Este, juntamento com Giuliano de Médicis, intentam contra a vida do jovem pintor por este se recusar a revelar o segredo tão almejado.

A série “O Segredo dos Flamengos” foi filmada em cidades como Bruges Nápoles, Veneza e Florença e a par do excelente guarda-roupa, traduziu-se num bom momento de televisão. Para além do mais, revelou a bela e jovem actriz Isabelle Adjani, então no papel de Maria Cavalieri.

1 comentário:

  1. Esta série foi excelente. Corria, vindo da escola, para não perder um episódio.

    ResponderEliminar

Os comentários estão sujeitos à prévia aprovação por parte do autor do blog.

Talvez queira rever: