18/08/2017

Quando o país desce ao Algarve para marcar o ponto e comer "peixinho"



Dois cartazes publicitários ao Algarve, datados de 1967, por isso há já 50 aninhos.

Estamos em tempo de férias e meio Portugal estará pelo Algarve. Para além de todas as virtudes desta nossa região sul, sobretudo a qualidade das praias e da temperatura da água, muitos fazem questão de ir ao Algarve ainda por uma questão de estatuto, uma espécie de marcar o ponto. No dia-a-dia comem sardinhas e carapaus mas no Algarve come-se "peixinho". É, pois, um estilo e um contexto e não há nada como dizer aos amigos e colegas que se esteve no Algarve. Seja como for, no Algarve ou no Minho, o importante é que todos gozem as férias da forma que melhor apreciam e naturalmente dentro dos condicionalismos da "carteira" de cada um.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Os comentários estão sujeitos à prévia aprovação por parte do autor do blog.

TALVEZ QUEIRA REVER